POS x TEF: Qual a diferença?

25 de outubro de 2019 às 15:34Artigos

POS (Point of Sale – ponto de venda) e TEF (Transferência Eletrônica de Fundos) são as tecnologias mais comuns para a leitura e transmissão de dados financeiros. E são essenciais hoje em dia com a grande utilização dos cartões de compra. Por isso, qualquer pessoa que pense em abrir um estabelecimento comercial, precisa saber o que são POS e TEF e as suas diferenças.

No entanto, ainda são poucas as pessoas que entendem a fundo quais são as características de cada um e as suas diferenças e isso pode ser ruim para o próprio negócio.

 

O que é o POS?

Essa é a solução mais conhecida como maquininha de cartão portátil. Sabe aquele momento que você pede a sua conta e o garçom traz a máquina para que o pagamento seja feito no cartão? Então, essa é a POS. Mas ainda existem lugares que utilizam o sistema POS em máquinas que não são portáteis, então essa não é uma regra. Ainda há aquelas que precisam ser conectadas a um fio e são operadas apenas no caixa/balcão.

Com o passar do tempo e o avanço da tecnologia, as maquininhas foram evoluindo e atualmente grande parte delas é portátil.

Pela praticidade que o sistema POS oferece, muitos lojistas preferem a sua utilização. Até porque é só pegar o cartão, pôr na máquina, digitar o valor, a senha e pronto, o pagamento será feito.

 

Características do POS

A principal característica nas máquinas POS é que cada uma funciona apenas com uma rede de adquirência (como Rede, Cielo, Stone, Getnet). Ou seja, ao utilizar o POS, o estabelecimento só poderá aceitar cartões operados por sua fornecedora.

Ele depende apenas de uma linha discada ou rede de celular (POS GRPS) para que então os funcionários consigam utilizar a máquina. A contabilidade é feita pela impressão do recibo. Caso algum problema ocorra na maquininha, a empresa fornecedora deve arcar com os custos e consertar ou trocar o produto.

 

Vantagens do POS

Caso o estabelecimento consiga trabalhar apenas com uma maquininha, o POS é uma ótima opção por ter um preço mais em conta. O sistema é bem fácil de usar, já que é bastante intuitivo. Além disso, outro ponto é a mobilidade da maquininha, que é um dos diferenciais. Ela é uma boa escolha para quem trabalha com delivery, já que pode ser levada até a casa do cliente.

Não é necessária uma automação comercial integrada (sistema ERP + Pinpad + TEF + Internet) para que as pessoas possam fazer o pagamento.

 

Desvantagens do POS

O POS é mono-adquirente, ou seja, como já foi dito, aceita apenas uma rede de cartões. Por não aceitar várias bandeiras, o lojista precisa escolher entre as opções para contratar os serviços de uma rede específica.

E quanto mais maquininhas, mais difícil de fazer a contabilidade no final do dia, já que é preciso separar os comprovantes de recibo e só então colocar todos os números no papel.

Agora pense a quantidade de recibos que são impressos de três maquininhas em uma lanchonete com grande fluxo de manhã, tarde e noite. Portanto, em casos como esses, é difícil para o dono do estabelecimento fazer toda a contabilidade.

Por também não ser integrado a um sistema de automação, o POS não faz a conciliação das vendas. Ou seja, ele não faz a comparação dos valores registrados em caixa com os que são processados pelo adquirente. Por isso, é necessário um pouco mais de trabalho com as maquininhas POS.

 

O que é o TEF?

O TEF geralmente é ligado apenas a uma de suas partes, o pinpad – máquina onde o cartão é inserido e a senha é digitada. Nesse sentido, TEF e POS são muito similares, porém o TEF é fixado no balcão.

O TEF é muito comum em supermercados, farmácias e varejistas com grande volume de venda no cartão, devido a maior facilidade para fazer o controle das vendas. No entanto, o TEF está começando a se popularizar com os varejistas também, pelo menor custo na hora da implantação.

 

Características do TEF

O TEF é um software que captura transações e as manda para a rede do adquirente via internet ou links dedicados. O software fica instalado no computador do caixa do estabelecimento onde o pinpad fica conectado. Essa opção concede a facilidade ao varejista de aceitar diversas bandeiras de cartões. Além disso, em caso de problema com a máquina, o empresário deve entrar em contato com o fornecedor do aparelho e ele deverá arcar com os custos de manutenção ou troca.

O grande exemplo são os supermercados e farmácias. No momento em que é inserido o cartão, no que chamamos de pinpad, o computador do caixa consegue ter acesso as informações do cartão e depois que a senha é digitada e o pagamento efetuado, o sistema transmite as informações para a rede do adquirente.

 

Vantagens do TEF

É o investimento mais econômico, além de aceitar várias bandeiras de cartões. Ele também é ideal para varejistas que contam com vários caixas. E para finalizar, a integração das maquininhas com um sistema integrado facilita e muito a vida do dono do estabelecimento, já que é mais fácil para fazer a contabilidade.

 

Desvantagens do TEF

Elas não possuem a mesma mobilidade que as maquininhas POS, ou seja, não é possível levar uma máquina junto para a casa de um cliente, o que dificultaria para uma empresa que trabalha com delivery.

O TEF também exige a conexão com a internet para funcionar, além da contratação dos fornecedores (software de TEF, pinpad e assistência técnica). Ou seja, aquele pouco gasto na implantação está revertido nesse momento do processo.

 

Mas e aí, POS ou TEF: qual escolher?

Muitas informações foram passadas para você, leitor, mas é possível fazer a escolha a partir do conteúdo do texto.

O TEF ajuda, e muito, os estabelecimentos que fazem a maioria dos seus recebimentos no cartão, então restaurantes, supermercados, farmácias, panificadoras, tendem a fazer essa escolha.

No entanto, quem pretende trabalhar bastante com o delivery pode escolher o POS que não irá se arrepender.

 

Conclusão

Portanto, tudo depende muito do tipo de negócio que será aberto para que então seja decidido qual dos dois utilizar e nada impede que seja procurado mais conteúdo para entender mais sobre o assunto.

Outros Artigos

Pedir a antecipação do décimo-terceiro ou não?

Muitos ficam em dúvida se devem ou não pedir o adiantamento do décimo-terceiro salário. Produzimos esse conteúdo para responder todas...

Veja Mais

Empreender: Por onde devo começar?

Empreender não é uma missão muito fácil, contudo é a vontade de muitas pessoas abrir a própria empresa. No entanto, é preciso pensar...

Veja Mais

Confira o número sorteado da semana no BônusClub premiável

Confira o número sorteado da semana no BônusClub premiável! Confira o número sorteado da semana no BônusClub premiável!

Veja Mais