Dezembro chegou, saiba se planejar!

06 de dezembro de 2019 às 16:29Artigos

Dezembro chegou e com ele as festas de fim de ano. Natal, ano novo, confraternizações da empresa, família, escola, faculdade, entre outros.

No entanto, a animação parece que faz com que as pessoas esqueçam das contas e lembrem delas apenas no início do ano.

Só que com elas, também irão surgir as dívidas de 2020 e surpresa... A pessoa não irá conseguir arcar com tudo, já que gastou o salário e boa parte do décimo terceiro. O problema é que depois ela não faz a mínima ideia de como irá lidar com tudo.

Não é preciso torrar o dinheiro para conseguir aproveitar as festas. Até porque a farra não vai poder continuar para sempre, infelizmente.

Então, saiba como cuidar das contas no final de ano e mesmo assim aproveitar as festas!

Chegou dezembro, mas com ele não veio os exageros

Primeiramente, nunca se esqueça de que com o ano novo chegarão os impostos, o material escolar, as matrículas, a fatura do cartão de crédito. Nenhuma destas despesas irá dar uma trégua para você se organizar.

Então, passe a pensar em dezembro como um mês qualquer, não o trate diferente apenas pelas festas. Como qualquer outro período do ano, as contas estarão ali para você pagar.

Portanto, se organize e programe todas as despesas do ano que vem. Além disso, planeje todas as suas metas e comece a cumpri-las. Isso fará com que você tenha uma folga das dívidas em 2020.

O ano deve começar sem preocupações

Todo mundo gosta de curtir o final de ano e aproveitar as festas. No entanto, os mesmos também se preocupam com as despesas no início do ano. Não seja uma dessas pessoas, aproveite o mês de dezembro e esteja um passo a frente dos demais.

É preciso ter consciência antes de tudo, não se deixar levar pela vibe das confraternizações. Mas aí vem a pergunta: como aproveitar sem se preocupar depois?

Fácil, se antecipe! Compre os presentes com antecedência e sem pressa. Além de escolher melhor, você conseguirá separar melhor as contas, sem deixar que elas se atolem em apenas um mês.

Você acha que os produtos que são utilizados no final do ano chegam nos estabelecimentos apenas na época? Lógico que não. Procure ir ao mercado quando os alimentos e as bebidas começarem a aparecer.

Até porque deixar para o último momento sempre é ruim, já que as filas estarão bem grandes.

É possível aproveitar dezembro sem gastar muito

Use a criatividade para presentear as pessoas e evite grandes gastos. Quando as pessoas pensam em presentes, elas já imaginam as coisas mais caras. Isso está longe de ser ruim, mas é possível surpreender sem gastar.

Sabe aquela sua roupa que a sua amiga adora? Pois é, dê para ela. Um livro bom que esteja parado na sua casa e até aquele brinquedo que o seu filho não usa mais.

Além disso, existem presentes baratos que podem tomar o coração dos seus amigos. Um artesanato, um porta-retratos ou até mesmo um bilhete podem ser muito mais agradável do que um presente caro que não foi bem pensado.

As pessoas comparam muito o valor do presente com o verdadeiro preço, o sentimental. Isso é um equívoco, já que se as pessoas te amam de verdade, irão levar em conta o seu gesto e não os números contidos na etiqueta.

Dezembro é o mês certo para pensar em janeiro

Com o final das aulas pode parecer que os gastos com colégio já acabaram, mas isso não é verdade. Como as compras de fim de ano, não é bom deixar os materiais escolares para o início do ano.

Por isso, compre tudo o que for preciso no momento em que as aulas acabam. Pode parecer um pouco precipitado, mas é o melhor a se fazer. Os preços tendem a cair no final de ano já que ninguém está atrás de materiais. Além disso, é possível escolher o caderno mais bonito e que o seu filho adora. No início do ano é uma correria para encontrar o que ele tanto ama, então compre o que ele mais gostar antes.

Para quem pretende viajar em períodos menos movimentados, como final de janeiro e início de fevereiro é bom fazer o planejamento das férias antes. Portanto, compre as passagens, alugue um carro, reserve o hotel e conheça mais sobre a cidade e as suas atrações (restaurantes, pontos turísticos e outros lugares que podem gerar gastos).

Conclusão

Dezembro é o mês de aproveitar tudo o que não foi possível ao longo do ano. Mas isso não é desculpa para sair que nem um doido torrando o dinheiro. Muitas pessoas esquecem, mas depois que tudo acaba, as contas chegam.

Por isso, antes de mais nada, é preciso ter consciência de todos os gastos que serão feitos e as despesas que virão. Dessa maneira será possível se programar para conseguir aproveitar bem o fim de ano.

Como vimos, é possível curtir as confraternizações mesmo sem gastar muito, mas é preciso planejamento e criatividade. Portanto, tente sempre tomar a frente das situações.

Essas são dicas que servem para qualquer período do ano, portanto faça com que elas virem uma rotina a ser seguida, você verá como a sua vida, tanto financeira, como pessoal, irá melhorar.

Precisando de algo é só entrar em contato com a gente, estaremos sempre disponíveis!

Outros Artigos

Por que criar categorias para os gastos?

Não é um costume dos brasileiros, mas cuidar das finanças é muito importante. E para que isso seja feito da maneira correta é preciso...

Veja Mais

Como organizar as finanças no final do ano?

Quer aprender a controlar os seus gastos durante o final de ano? Então, não perca a oportunidade de ler o conteúdo que produzimos para...

Veja Mais

Educação financeira: Como ensinar as crianças?

Economizar não é o forte do brasileiro, mas começar a ensinar as novas gerações a importância é fundamental! Para isso, é preciso...

Veja Mais